A noticiabilidade do atentados

Por Luisa Bretas

Nas últimas duas semanas ocorreram dois atentados, um em Manchester, Reino Unido, onde o show da cantora pop Ariana Grande havia recém encerrado, e outro na London Bridge, em Londres, ambos assumidos pelo Estado Islâmico (EI). Um atentado terrorista é caracterizado como um ataque a um local público, de bastante movimento com o intuito de causar pânico e insegurança nas pessoas, promovendo certo poder às entidades terroristas.

Continuar lendo

Terrorismo e violência ocidental

Por Natália Fechine

No dicionário Aurélio, terrorismo significa “modo de coagir, combater ou ameaçar pelo uso sistemático do terror”. Na segunda-feira (22), o Reino Unido presenciou um novo atentado, o mais sangrento em 12 anos, num show da cantora Ariana Grande. Para as pessoas que estavam na Manchester Arena, talvez isso nunca se defina em apenas uma palavra e as marcas serão levadas para a vida toda.

Continuar lendo

De Disney a Rebelde, como viver a nostalgia nos dias atuais

Por Ana Luisa Araujo e Roberta Pissutti 

Não há dúvidas de que a infância e adolescência marcam a vida de qualquer pessoa. São as fases em que formamos nossa personalidade, quando experimentamos a vida pela primeira vez. Tudo é novidade. Então, não é de surpreender que alguns produtos midiáticos, artistas, brinquedos, roupas e, talvez, até certo doce ou refrigerante fiquem marcados em nossas memórias como lembranças de uma época feliz.

Continuar lendo

[Editorial]: Jornalismo também faz greve?

Na sexta-feira (28), ocorreu uma greve geral em todo o País. Professores, aeroviários, motoristas e cobradores de ônibus, lojistas e diversas categorias de servidores públicos, dentre outros trabalhadores, amanheceram de braços cruzados. O SOS Imprensa acompanhou a cobertura das imprensas nacional, local e internacional e traz um editorial sobre o dia em que 40 milhões de brasileiros paralisaram suas atividades, segundo dados dos organizadores do movimento.

Continuar lendo

Crédito: Reprodução/Facebook/White House

A era de Trump

Por Ana Carolina Fonseca 

No Twitter – meio de comunicação mais usado por Donald Trump –, o Presidente dos Estados Unidos fez ameaça discreta à imprensa. O magnata sugeriu que poderia alterar leis de difamação porque, segundo ele, o “falho” jornal The New York Times “desgraçou o mundo da mídia” e teria publicado mentiras sobre Trump por dois anos.

Continuar lendo