O Futuro do Agora

Por Roberta Pissutti

Quando os carros voarem

E a chuva não molhar,

A gente também vai se preocupar

Em como tudo isso vai terminar.

Quando não tiver mais roubos

E a violência acabar,

A gente vai se perguntar:

“Quando esse teatro todo vai acabar?”

 

Quando as estrelas não estiverem mais à vista,

Quando escritor e artista

Já não tiverem no que se inspirar,

Talvez a nossa humanidade possa voltar.

 

Pode ser que no futuro

O mundo seja melhor

E as pessoas irão pensar em como precisamos de coragem

Pelos tempos difíceis que tivemos que passar.

 

Mas pode ser que, no futuro,

Nada termine por melhorar.

Pode ser que nossos netos e bisnetos imaginem

Em como era fácil viver nessa época que não parece acabar.

 

Quando já não houver nomes na lista

E todos nos quais acreditamos

Já não estiverem aqui,

Talvez a gente entenda nossa hora de partir.

 

Pode ser, também, que a gente não entenda

E que o Sol acabe por explodir

E que a confiança, que já é rara, decida se extinguir.

Pode ser que o melhor seja que a gente deixe de existir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s